COLÁGENO É BOM? MITOS E VERDADES SOBRE SUPLEMENTOS DE COLÁGENO

colágeno funciona?

O Colágeno é um dos suplementos que mais vendem lá na nossa loja. As mulheres ficam loucas atrás do colágeno! Mas será que o colágeno funciona mesmo ou é apenas mais um mito da marqueteira indústria de suplementos? 

Quais perguntas sobre o colágeno vamos responder neste post?
  • Para que serve o colágeno?
  • Como o colágeno funciona no corpo?
  • Colágeno hidrolisado é melhor?
  • Colágeno é bom para os cabelos?
  • Colágeno é bom para as unhas?
  • Colágeno é bom para a pele?
  • Colágeno reduz celulites?
  • Colágeno emagrece?
  • Colágeno ajuda a manter a massa magra?
  • Colágeno é bom para o coração?
  • Colágeno é bom para o fígado?
  • Qual a dose diária ideal de colágeno?


Para que serve o colágeno?

O colágeno é uma proteína estrutural que dá elasticidade a pele, cabelos, ligamentos e tendões. Além de dar força e estrutura para nossos ossos e cartilagens. O colágeno é composto de muitos aminoácidos, principalmente glicina, prolina, alanina, hidroxiprolina e ácido glutâmico.

Colágeno hidrolisado é melhor?


Colágeno, como outras proteínas, é dividido em aminoácidos por enzimas no estômago e intestino delgado. Estes aminoácidos então entram na corrente sanguínea através do portal hepático para o fígado. Quaisquer aminoácidos que o fígado não usa são liberados na corrente sanguínea para o resto do corpo.
Colágeno hidrolisado são simplesmente peças menores de colágeno que são mais fáceis de digerir.

Como o colágeno funciona no nosso corpo?

Os aminoácidos que o fígado não usou e jogou na corrente sanguínea são reagrupados pelas células (com ajuda da vitamina C) e se tornam colágeno novamente.

Mas afinal, o colágeno pode ser considerado um superalimento ou é apenas mais um placebo?


O colágeno melhora a saúde dos cabelos, da pele e das unhas?

Verdade! (ou quase)


Pele: Estudos duplo-cegos, controlados por placebo indicam que a suplementação de colágeno pode melhorar significativamente a elasticidade e umidade da pele, e até mesmo reduzir as rugas! [1-3].

Cabelos: Um estudo recente em ratos mostrou que a destruição de colágeno é o principal responsável pela perda de cabelo relacionada à idade, mas são necessários mais estudos para justificar a suplementação de colágeno para o crescimento do cabelo.[4]

Unhas: Faltam estudos que busquem comprovar a eficácia da suplementação com colágeno para o fortalecimento das unhas. Portanto, se quer proteger as unhas, é melhor mesmo usar uma luva limpa![5]



O colágeno reduz as celulites?

Isso pode ser bastante promissor! Um estudo de 2015 mostrou que a suplementação a longo prazo (mais de 6 meses) com peptídeos de colágeno bioativos melhorou significativamente o aparecimento de celulite em mulheres de peso corporal saudável (e, em menor grau, em mulheres com excesso de peso). [6] Deve-se notar que os cremes de colágeno não são eficazes, pois as moléculas são muito grandes para serem absorvidas pela pele.

O colágeno ajuda a manter a massa muscular? Colágeno emagrece?

Sim! Desde que esteja em conjunto com uma dieta bem feita e exercícios regulares, é claro.

As dietas de alta proteína são ideais quando se trata de manter e construir massa magra. Quanto mais músculo você tiver, mais calorias você queima em repouso e durante o exercício, o que facilita muito a manutenção do peso e a perda de gordura. Dietas de alta proteína também ajudam a suprimir o apetite, o que significa que você tem menos chances de trapacear!

Sendo uma proteína, o colágeno contribui para a ingestão total de proteínas, e mostrou-se útil para manter a massa muscular, particularmente nos idosos. [7,8] A maior desvantagem é que o colágeno não é tão rico em leucina, o aminoácido primário, responsável por iniciar a síntese de proteínas musculares (ou crescimento muscular). Então, não confie somente no colágeno para suprir todas as suas necessidades diárias de proteína - escolha uma variedade de fontes de proteína de qualidade.

O colágeno protege a saúde cardiovascular e hepática?

Provavelmente não. Estudos disponíveis mostram benefícios de aminoácidos específicos contidos no colágeno, mas não o próprio colágeno. Por exemplo, o colágeno contém os aminoácidos arginina e glicina, os quais sugerem agentes para a desintoxicação do fígado.

Afinal colágeno é bom?

Depende do seu objetivo. Os suplementos de colágeno parecem ser eficazes para melhorar a elasticidade da pele, reduzir as rugas e minimizar a aparência da celulite. A pesquisa também apoia seu uso para reduzir a dor nas articulações, rigidez e degeneração. No entanto, a evidência não é convincente para suplementos de colágeno quando se trata de tratamento da perda de cabelo, unhas frágeis, osteoporose, periodontite, distúrbios gastrointestinais, doença cardíaca e doença hepática.

Dose diária ideal de colágeno

Para ver os benefícios dos peptídeos de colágeno, você precisa de 2,5 gramas por dia. O resto da sua proteína deve ser proveniente de fontes de qualidade, tais como carne vermelha, aves e ovos, carne de porco magra e sem hormônios, salmão selvagem e outros peixes e frutos do mar com baixo teor de mercúrio.



Estudos citados:


1. Proksch, E., Segger, D., Degwert, J., Schunck, M., Zague, V., & Oesser, S. (2014). Oral supplementation of specific collagen peptides has beneficial effects on human skin physiology: a double-blind, placebo-controlled study. Skin Pharmacology and Physiology, 27(1), 47-55.


2. Asserin, J., Lati, E., Shioya, T., & Prawitt, J. (2015). The effect of oral collagen peptide supplementation on skin moisture and the dermal collagen network: evidence from an ex vivo model and randomized, placebo‐controlled clinical trials. Journal of Cosmetic Dermatology, 14(4), 291-301.


3. Proksch, E., Schunck, M., Zague, V., Segger, D., Degwert, J., & Oesser, S. (2014). Oral intake of specific bioactive collagen peptides reduces skin wrinkles and increases dermal matrix synthesis. Skin Pharmacology and Physiology, 27(3), 113-119.


4. Matsumura, H., Mohri, Y., Morinaga, H., Fukuda, M., Kurata, S., & Nishimura, E. K. (2017). Hair follicle aging is driven by transepidermal elimination of stem cells via COL17A1 proteolysis. Journal of Dermatological Science, 86(2), e53.


5. Seshadri, D., & De, D. (2012). Nails in nutritional deficiencies. Indian Journal of Dermatology, Venereology, and Leprology, 78(3), 237.


6. Schunck, M., Zague, V., Oesser, S., & Proksch, E. (2015). Dietary supplementation with specific collagen peptides has a body mass index-dependent beneficial effect on cellulite morphology. Journal of Medicinal Food, 18(12), 1340-1348.


7. Hays, N. P., Kim, H., Wells, A. M., Kajkenova, O., & Evans, W. J. (2009). Effects of whey and fortified collagen hydrolysate protein supplements on nitrogen balance and body composition in older women. Journal of the American Dietetic Association, 109(6), 1082-1087.


8. Zdzieblik, D., Oesser, S., Baumstark, M. W., Gollhofer, A., & König, D. (2015). Collagen peptide supplementation in combination with resistance training improves body composition and increases muscle strength in elderly sarcopenic men: a randomised controlled trial. British Journal of Nutrition, 114(08), 1237-1245.






COLÁGENO É BOM? MITOS E VERDADES SOBRE SUPLEMENTOS DE COLÁGENO COLÁGENO É BOM? MITOS E VERDADES SOBRE SUPLEMENTOS DE COLÁGENO Reviewed by Dicas Maromba on segunda-feira, junho 12, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.